publicidade

sexta-feira, fevereiro 29, 2008

Duas perguntas do dia, quer dizer, da noite:

1 - Quanto tempo durará o casamento de Fernando Torquatro e Marina Morena?

2 - O que é Elymar Santos?

quinta-feira, fevereiro 28, 2008

Não se reprima, não se reprima!

Gente, chega de ilusão.
Levem o Christopher Getty para o Clube 117.

domingo, fevereiro 24, 2008

Frase lida no pára-choque de um caminhão lá na Pavuna (ou terá sido em Bangu 2?)

"De Marilyn Narcisa não tem sequer o pó".

quinta-feira, fevereiro 21, 2008

Relações perigosas

Ih, o belo namorado do furacão é "amigo" daquele que não sai do armário e, dizem, não perdoa, traça todos os bofiscândalos?
Ih, tem couve à mineira no angu à baiana.

PS. O dentista Tepedino assina artigo na "Science" deste mês. Assunto: Tabule não dá cárie.

quarta-feira, fevereiro 13, 2008

Desconfie de homens que usam anel no dedo polegar.

Tudo bem, tudo bem.
Não imaginava que o blog fosse tão lido.
Corrijo: desconfie de ALGUNS homens que usam anel no dedo polegar.
Pô, xingaram até minha falecida mãe.
Assim não pode, assim não dá.

O Wolf Maia do BBB


A turma do Projac só chama o BBB Marcelo de "Wolf Maia". Antes de que alguém já se apresse a imaginar o motivo, conto que o apelido é por conta do gestual. Dizem que o rapaz é o diretor global "escrito e escarrado" em matéria de expressão corporal.

segunda-feira, fevereiro 11, 2008

Nem todo mundo nasce uma Lucianita Fiala de Siqueira Carvalho

A emergente Ana Maria Gontijo, rica mas cafonérrima, de Brasília, de Brasília, recebeu para almoço de retribuições no apartamento do Rio. E como já não se faz mais anfitriã como antigamente, sem saber decorar a própria mesa, madame contratou um profissional para pôr os pratos e os talheres em ordem.
Sou do tempo dos jantares, verdadeiros banquetes, no apartamento mais deslumbrante do Rio, na Avenida Rui Barbosa, onde a anfitriã, Lucianita Fiala de Siqueira Carvalho (Maurício ao lado) enfeitava ela própria cada lugar, arrumando cada flor, pétalas de sonhos e seus talheres de vermeil.
Consta que a Ana Gontijo, quando viu o trabalho do decorador em sua própria mesa, ficou abobalhada. Que falta faz um berço.

Cena do baile de Carnaval da Anna Maria Tornaghi, no Sofitel, na última sexta. A Isabelita dos Patins é a do meio












Foto: reprodução/coluna de Bruno Astuto/O Dia

domingo, fevereiro 03, 2008

Valentino decreta o baile do Copa "cafonérrimo", fica 10 minutos e vai embora

Rarará! O que dirão os colunistas subservientes e amestrados? Aqueles que se vendem por um par de convites ou um almoço de graça na pérgula do hotel...
Valentino, até então o supra-sumo do chique nas paragens internacionais, chegou ao Baile "de Gala" do Copacabana Palace, perto da meia-noite, sábado, olhou para os lados, olhou para o alto, fitou os convidados de alto a baixo, perscrutou a decoração e decretou para sua amiga Andréa Delal: "mas que evento mais cafona"!
Isso mesmo: o papa da elegância e da finesse ficou 10 minutos, deu meia-volta, volver, e foi embora. Ficou aborrecidíssimo com tanta "gente sem classe" (palavras dele).
Rarará! Rarará! Rarará!
Com os salões repletos de putas da Avenida Atlântica, além de michês a serviço do decorador Zeka Marquez, tido como "o joãozinho 30 dos chiques", mas que usa pochete e uma combinação de dentes artificiais para esconder uma falha de caninos, o Baile do Copa estava aquele pavor de sempre.
Rarará! Julinho Rego, que acredita quando o chamam de "consultor de moda" (rarará), mas que, no currículo carrega o "talento" de vestir o Jô Soares daquele jeito tenebroso, acha que pode e pôs na cabeça um chapéu de palha, além do smoking. O povo passou a noite inteira chamando-o de "espantalho". Onde será que ele põe a espiga de milho?

PS. Enquanto isso, uma mesa de colunáveis de verdade se refestelava num feudo chiquérrimo, na Rua Icatu, em Botafogo.

E viva a Vivi Nabuco!

sexta-feira, fevereiro 01, 2008

Mais de mil mascarados no salão

O Rio de Janeiro talvez tenha o maior número de mascarados por metro quadrado em todo o País. Está para nascer tanta gente falsa junta em uma mesma cidade. E isso em meio às chamadas “celebridades”.
É anfitrião casado com mulher, que, no fundo, lá no fundilho, se diverte mesmo é com os guapos, em seus edredons extralarges (nada contra, claro).
É estrela da TV que faz a linha politicamente correta em público, mas de vez em quando perde a linha e chama o porteiro ou o garçom de “neguinho”.
É cirurgião plástico que posa de “gentleman”, mas que vai para a pérgula do Copa, com suas amigas, algumas jaciras, debochar das velhinhas que por ali tomam seu chá, indefesas.
É cantor pop que faz passeata contra a violência mas, em casa, não deixa de apertar seu baseado ou cheirar suas carreiras de cocaína.
É biba metida a TFP – Tradição, Família e Propriedade -, casada com outra biba parecida, mas que promove seus bacanais (manda buscar os bofes em Niterói, sabida) onde, de vez em quando, come a “alta sociedade”.
É socialite que diz que já largou as drogas mas vive cheirada.
É diretor de hotel na Zona Sul, aparentemente hétero, que não pode ver um negão vestido de segurança, que quebra logo a mão. (nada contra, claro).
É socialite nordestino-libanesa, óxente, que mora na Avenida Atlântica, louvada nas colunas sociais, mas que não sabe pôr uma mesa de jantar – gosta muito é de servir frango assado de padaria aos seus exigentes comensais – sovina que é.
Ih! A lista é grande. Ah, e as assessoras de imprensa, feito a Lalá Guimarães (bate na madeira!), que são muito finas, mas na carteira de identidade têm de carregar, até o túmulo, um nome singelo assim como o “Alair”.
O blog promove o baile de máscaras mais trepidante da web. Participe votando, entre as três opções embaixo de cada foto, quem merece ser adornado com o impactante acessório de carnaval.
A gente aqui ainda não aprendeu a cantar “Bandeira branca”.

URSO PANDA(RECO)

Carlos Alberto Serpa



Julio Lopes



Beatriz de Miranda Jordão

PAPAGAIO DE PIRATA




Luciano Huck




Grace Gianoukas


Fernandinha Abreu




(DESCABELANDO O) PALHAÇO


Cocota e Ranheta Scherer



Daniel Sabá



Rudy

ONÇA (PINTADA)



Titina Lowndes


Aparecida Marinho


Patrícia Leal

LOBO MAU (QUE NEM PICA-PAU)



Tico Santa Cruz


Marcelo Antony


Fábio Assunção

LEÃO LOBO


Bruno Chateaubriand


Marcelo Borges


Mario Borrielo

JACARÉ (NO SECO ANDA)

Claudia Fialho



Milton Cunha



Carlos Tufvesson

ÍNDIO QUER APITO

O marido da Suzana Vieira



Cesar Maia



Antony Matheus, primeiro os meus

GALO (DA MADRUGADA)



Romário


Edmundo


Renato Gaúcho

GATO ANGORÁ

Carlão Carvalho


Flávio Sarahyba


Rodrigo Hilbert


EMÍLIA-EMÍLIA-EMÍLIA

Marilene Saade


Bianca Teixeira


Lalá Guimarães


DONA BENTA



Glorinha Pires Rebello


Angela Fragoso Pires


Odaléa Brando Barbosa

CUCA (TE PEGA)

Angelique Chartouny



Ivone Kassu



Daniela Maia

COELHINHO DA PÁSCOA


Wolf Maia


Mario Gomes


Sérgio Mattos

CHAPEUZINHO VERMELHO




Suely Stambowsky




Beth Serpa




Silvinha Fraga

CACHORRÃO



Ivo Meirelles


Núbia Cozzolino


Zeka Marques


CAÇADOR DE ROLINHAS

André Ramos


Paulinho Müller


Ricardo Stambowsky

BURRO FALANTE



Julinho Rego


Amin Khader (quem?)


Luciana Gimenez

BRUXA DA CHARNECA

Angelique Chartounis


Glorinha Paranaguá


Suzana Vieira

BARNABÉ



Phillip Carruthers


Maurício Mattos


Eder Meneghine