Marcio.G: CAMILLA CORREA ALVES DE MOURA ARAUJO DOS SANTOS

publicidade

sexta-feira, dezembro 16, 2011

CAMILLA CORREA ALVES DE MOURA ARAUJO DOS SANTOS

Compartilhe no Facebook.
ESTA MULHER SERIA A ASSASSINA DE UM INDEFESO CÃO YORKSHIRE, A CHUTES E PORRADAS, DESPERTANDO ÓDIO AO SEU REDOR. ALGUÉM FILMOU A RAPARIGA DANDO BORDOADAS NO BICHO, E PÔS NAS REDES SOCIAIS. NÃO CONSEGUI VER. É CHOCANTE.




Fotos: reproduções do Facebook
 ...
REPERCUSSÃO

JORNAL HOJE, DA TV GLOBO, DEU ESPAÇO NA EDIÇÃO DE 16/12.

...

O MAIS VOCÊ, DA TV GLOBO, TAMBÉM DEU A NOTÍCIA NA EDIÇÃO DE HOJE, 16/12.

...

DO G1:

Vídeo de mulher agredindo cão é investigado pela polícia em GO

Suspeita apresentou-se com advogado à delegacia, mas não depôs. Agressões são feitas em frente a uma criança e causam polêmica na web.

Rafaela Céo Do G1 DF, em Formosa (GO)



A Polícia Civil de Formosa, cidade de Goiás localizada no Entorno do Distrito Federal, abriu inquérito há 10 dias para investigar uma denúncia anônima de maus-tratos a um cachorro que aparenta ser da raça Yorkshire. Segundo o delegado que investiga o caso, Carlos Firmino Dantas, o cachorro morreu.
A agressão foi filmada e o vídeo, divulgado no You Tube. Nas imagens, uma mulher agride o cão na frente de uma criança. O animal chega a ser arremessado para o alto e preso dentro de um balde.

Segundo o delegado, a mulher se apresentou na delegacia acompanhada de um advogado, mas não prestou depoimento. O G1 buscou contato com a responsável pelo cão através dos telefones divulgados juntamente com a denúncia na internet.
Na quinta-feira à noite, a equipe de reportagem conversou por telefone com uma mulher que, no início, disse ter uma filha com o mesmo nome citado na investigação. Mas, após ver o vídeo, negou que ela fosse sua filha.

Dantas disse que um inquérito foi aberto há cerca de dez dias após a polícia ter recebido uma denúncia anônima e uma cópia do vídeo da agressão ao animal. Segundo ele, a dona do cachorro afirmou que agrediu o animal porque estava em um "mau dia".

O vídeo mostra a mulher chutando o cachorro e jogando o animal no chão. A gravação foi feita do alto, do que aparenta ser um andar com vista para a área de serviço da casa da mulher.
O vídeo de 3min26seg registra três momentos distintos, e a mulher aparece com roupas diferentes na gravação. O cachorro não se mexe depois das agressões. A mulher chega a colocar um balde sobre o animal.

Dantas disse que a pena prevista por maus-tratos pode chegar a até dois anos, caso a mulher seja processada e condenada. Como as agressões ocorrem em frente a uma criança, ele disse que a mulher pode ainda ser denunciada com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).
Delegado da 1ª Delegacia de Formosa (GO), Carlos Firmino Dantas. (Foto: Rafaela Céo) 
Delegado da 1ª Delegacia de Formosa (GO), Carlos
Firmino Dantas (Foto: Rafaela Céo)
O caso provocou repercussão nas redes sociais. O vídeo, publicado na quarta (14), teve mais de 320 mil visualizações até por volta das 10h desta sexta.
No Twitter, a vereadora Heloísa Helena (PSOL), que é ex-senadora e cumpre mandato atual na Câmara Municipal de por Maceió, anunciou que serão formalizadas ações no Ministério Público e defendeu a aprovação de lei contra maus-tratos dos animais.
O vereador Elias Vaz de Andrade (PSOL) anunciou que vai entrar com representação na delegacia-geral de Formosa nesta manhã.

...

FOLHA DE SP:

Vídeo mostra maus-tratos contra yorkshire em GO; polícia investiga

A Policia Civil de Formosa (GO) instaurou um inquérito para investigar uma denúncia de maus-tratos contra um cachorro da raça Yorkshire, praticados por sua dona, uma enfermeira de 22 anos. Algumas cenas da agressão foram divulgadas na internet.

ATENÇÃO: IMAGENS FORTES
 
O inquérito foi instaurado no dia 21 de novembro, após uma denúncia anônima, antes que as imagens fossem divulgadas. Segundo o delegado Carlos Firmino Dantas, do 1º DP de Formosa, o cachorro morreu em decorrência dos maus-tratos.

A enfermeira apontada como responsável pela agressão foi identificada e compareceu à delegacia acompanhada de um advogado na semana passada. De acordo com o delegado, ela ainda não foi ouvida formalmente, mas disse na ocasião que estava estressada e o que o cão dava muito trabalho.
Nas imagens, a mulher aparece jogando e chutando o animal diante de uma criança que, segundo o delegado, é a filha dela. A criança tem entre dois e três anos. A polícia não informou quem gravou as imagens.

"O caso não é só os maus-tratos ao animal, pode ser que haja também crime previstos pelo estatuto da criança e adolescente, por submeter criança a constrangimento", disse Firmino, que acrescentou ainda que vai ouvir a enfermeira, vizinhos e parentes a partir da próxima semana.
A senadora Heloísa Helena comentou o caso na sua página do Twitter e disse que procedimentos legais já foram tomados pelo Ministério Público e pela Polícia Civil. O Ministério Público de Goias afirmou, no entanto, que assim que o caso encaminhado ao órgão, começará uma investigação.

A reportagem tentou falar com a enfermeira por telefone na noite de ontem e na manhã desta sexta-feira, mas não teve sucesso.

...

O GLOBO ONLINE - BLOG NAS REDES:

Enviado por Patricia Royo
Mulher flagrada em vídeo agredindo cachorro é investigada pela polícia

A Polícia Civil de Formosa (GO) instaurou inquérito há dez dias para investigar a morte de um cachorro da raça Yorkshire, cujas agressões que levaram à sua morte foram flagradas em um vídeo postado no YouTube. As cenas de espancamento geraram uma onda de protestos nas redes sociais, com centenas de mensagens recriminando a ação. Segundo informações do site G1, a mulher confirmou ao delegado à frente do caso, Carlos Firmino Dantas, que agrediu o animal porque estava em um "mau dia".
Indignados com a violência a um animal indefeso, usuários do Facebook e do Twitter pedem pena máxima para o crime de maus tratos em uma petição online. Até o momento, quase mil pessoas assinaram o documento.


Pelo seu perfil no Twitter, a vereadora Heloísa Helena (PSOL-AL) entrou em contato com o também vereador e presidente da Comissão de Defesa dos Direitos da Criança, Elias Vaz de Andrade (PSOL-GO). Segundo ele, o caso já foi levado ao Ministério Público e à delegacia-geral da Polícia Civil de Goiás.
"Amiga @_Heloisa_Helena , já falei com o Procurador Geral de Justiça por telefone e MP entrará no caso dessa agressão absurda...", twittou ele, por volta das 10h30m, para em seguida mandar outra mensagem: "Cara @_Heloisa_Helena, formalizarei a denúncia junto à Delegada Geral da Polícia Civil de Goiàs às 11:00hs de hoje".


Segundo informações do site G1, o delegado já entrou em contato com a agressora, que compareceu à delegacia, mas não prestou depoimento. Segundo Dantas, a polícia recebeu uma denúncia anônima, acompanhada da cópia do vídeo, há dez dias. Segundo o delegado, a pena prevista por maus-tratos pode chegar a até dois anos, caso a mulher seja processada e condenada.
O vídeo postado no YouTube registra todas as ações de uma mulher, identificada como sendo uma enfermeira. Ela joga o cachorro contra a parede e o prende dentro de um balde, assistida por uma criança, que teria três anos. O crime teria ocorrido em Formosa, a 289 quilômetros de Goiânia. Com o suposto nome da agressora divulgado no vídeo, espalharam-se por páginas no Facebook fotos de seu perfil. Dados pessoais da agressora, como CPF, nome de sua mãe e até número de telefone também estão sendo compartilhados, gerando uma onda de comentários agressivos. Na rede social de Mark Zuckerberg, um evento com mais de duas mil adesões reforça o pedido de assinaturas à petição online.
(por @patriciaroyo)

...

O ESTADO DE SÃO PAULO:

Enfermeira é investigada por agressão contra um cachorro em Formosa (GO)

Agressões cometidas contra o animal, e gravadas em vídeo, foram feitas em frente a uma criança

Solange Spigliatti e Edevaldo Figueiredo da Silva, do estadão.com.br
SÃO PAULO - A Polícia Civil do município de Formosa em Goiás instaurou um inquérito para investigar uma denúncia de maus-tratos contra um cachorro da raça Yorkshire, praticados por sua dona, uma enfermeira de 22 anos.
As agressões cometidas contra o animal foram feitas em frente a uma criança que supostamente seria sua filha. As cenas de maus-tratos foram gravadas e divulgadas no YouTube. O delegado da 1° DP de Formosa, Carlos Firmino, ouviu um depoimento informal da mulher, que tentou justificar os maus-tratos dizendo que o cachorro dava muito trabalho. "Ele era praticamente um monstro", diz o delegado.
Segundo Firmino, a mulher não cometeu apenas crime contra o animal, houve também crime contra a filha, que viu tudo. "Se fosse somente agressão contra o cão, o crime previsto seria agressão contra animal doméstico ou silvestre, com pena prevista de 1 ano, no máximo um ano e meio, caso haja morte do animal. Entretanto, estamos querendo comprovar que há o constrangimento da criança, crime previsto no estatuto da criança e adolescente. Ela poderá ser condenada não só ao pagamento em cesta básica, mas poderá ser condenada até 3 anos e meio.
Repercussão. A atitude cometida pela enfermeira já virou comoção entre os internautas no Facebook e Twitter que chegaram até a criar uma petição pública na rede de computadores pedindo pena máxima contra a agressora.
Em sua página no Twitter, a senadora Heloisa Helena também se mostrou consternada e disse que procedimentos legais já foram tomados pelo Ministério Público e pela Polícia Civil.

...

YAHOO NOTÍCIAS

Internautas se revoltam contra enfermeira que espancou cachorro; ela se defende no Twitter


Foto da enfermeira foi divulgada nas redes sociais. (Foto: Reprodução)

Indignados com a atitude cruel da enfermeira Camila Corrêa dos Santos, que espancou o próprio cão Yorkshire, internautas divulgaram dados pessoais da agressora, como nome completo, endereço, nome da mãe, data de nascimento, CPF, telefones e perfis nas redes sociais, como Facebook e Twitter.  As imagens divulgadas não deixam claro se o cachorro morreu, mas o delegado que investiga o caso, Carlos Firmino Dantas, confirmou que o animal não resistiu aos maus tratos.

Palavras como “assassina”, “espancando”, “pancada”, “enfermeira”, “yorkshire”, “cachorrinho” e “vagabunda” são as mais citadas no microblog Twitter. Em outras redes sociais, a foto dela tem sido divulgada com a frase “Procura-se assassina”.

O vídeo foi postado no YouTube na quarta-feira (14). A brutalidade foi cometida na presença do filho dela, de aproximadamente 3 anos de idade, na cidade de Formosa, em Goiás.
Enfermeira se defende
Camila Corrêa dos Santos defendeu-se por meio do Twitter, antes de deletar a conta. “Estou dizendo por aí que sou uma monstra? Vocês não sabem o que eu passei com aquela peste”, argumenta.



Camila chama animal de 'peste', no Twitter. (Foto: Reprodução)

O perfil da enfermeira no microblog não traduzia as imagens divulgadas no YouTube nem o ódio pelo animal que ela chama de “peste”. “Sou tranquila, casada, amo meu marido, meu filho, meus cachorrinhos. Enfermeira por amor. Muuuito feliz”, diz o texto que a definiria.

Investigação
A Polícia Civil de Formosa abriu inquérito há 10 dias para investigar o caso após uma denúncia anônima. O delegado Carlos Firmino Dantas disse ao portal G1 que a mulher se apresentou na delegacia acompanhada de um advogado, mas não prestou depoimento. Ele ainda disse que a dona do cachorro afirmou que agrediu o animal porque estava em um “mau dia”.

Caso ela seja processada e condenada, a pena pode chegar a até dois anos. Ela ainda pode ser denunciada com base no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) por ter agredido o animal em frente a uma criança.

...

Humor no Facebook

...

ASSINE AQUI A PETIÇÃO ONLINE PEDINDO PENA MÁXIMA PARA A AGRESSORA.
Comentários
40 Comentários

40 comentários:

  1. Nossa que absurdoo, vamos realmente digulvar esse video !

    ResponderExcluir
  2. Que fdp,temos que proucurar esta mulher aonde quer que ela esteja!
    infelismente não dá para ter o yorkshire de volta,mais pelo menos devemos fazer JUSTIÇA!
    se essa mulher teve coragem de fazer isso com um cachorro,imagina com uma pessoa(sangue frio)..

    ResponderExcluir
  3. realmente é uma situação indignante,merece um fim pior que o cachorrinho! nao sei como uma pessoa ( se é que pode ser considerada assim ) tem a coragem de fazer isso com um animal indefeso, isso chama-se COVARDIA, nada mais .. um enorme absurdo e eu desejo pra essa criatura o que eu não desejaria a ninguém ,só susegarei quando medidas forem tomadas, isso nao pode ficar assim ! e o pior é a hipocrisia dessa mulher de dizer ''amo meus cachorrinhos '' no twitter! mas foi bom esse cachorrinho ter partido , afinal é um sofrimento poupado! tenho certeza que ela ja fazia isso muito antes desse video ser gravado! enfim , espero providências.

    ResponderExcluir
  4. Que esta pessoa que se diz ser humano seja punida como ela merece...... temos que divulgar!

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Tenho pena deste lixo e estrume humano.
    A pior merda que você fez foi confiar em quem gravava, SUA IMUNDA!

    ResponderExcluir
  7. Isso é caso de polícia isso sim!!
    Tem que denunciar essa louca!!!!

    ResponderExcluir
  8. ita!
    Linchamento virtual contra a garota que matou o cachorrinho na pancada. CLARO, ÓBVIO E ULULANTE QUE NÃO ESTOU DEFENDENDO O ABSURDO QUE A VERDADEIRA AUTORA DO CRIME REGISTRADO EM VÍDEO COMETEU, digo em garrafais, antes q sobre pra mim.
    Porém, como fogo na pólvora, a foto de uma enfermeira goiana está por todos os lados, com a afirmação enfática de que é aquela a responsável pela barbaridade.

    Todo mundo está entrando na onda, e compartilhando a foto, endereço, telefone, CPF...já postaram até o nome e endereço da mãe, o nome da avó, do avô.

    No vai da valsa, todo mundo está compartilhando e caçando a "vaca" e alvo de outros adjetivos, que a essa hora deve estar escondida, pra não ser morta a pancadas também.

    Aí, eu pergunto: e se a garota da foto não for, de fato, a autora do crime?
    E se o nome também não for aquele?
    E se for apenas a vingança de um ex-namorado, de uma "amiga" invejosa ou algo do estilo?

    Esse é o grande risco das redes sociais.
    Há a possibilidade da injustiça, da perseguição no estilo da Santa Inquisição, sem q a correta apuração seja feita.

    Devagar com o andor moçada.
    O tempo da caça às bruxas já se foi.

    Houve crime? Há registro? Testemunha?
    Que seja encaminhado a qualquer delegacia que cuide de crimes ambientais para as devidas providências. O crime se enquadra na Lei Federal 9605, que trata dos crimes ambientais.

    Creio que justiça com as próprias mãos não seja uma medida muito civilizada, ainda que por vias virtuais.

    ResponderExcluir
  9. P/ Anônimo

    Com certeza com pessoas do tamanho dela ela não faz nada é covarde, só se aproveita de um animal indefeso que sabe que não vai fazer nada pq têm medo. Gostaria de me encontrar com ela em uma sala sem janelas ( pra ela não fugir)por cinco minutos ( são suficientes), ela vai levar a imagem do meu rosto para o resto da vida com certeza.

    ResponderExcluir
  10. Essa vagabunda não presta. Deveria passar pela mesma situação. Certamente o cão é melhor do que ela.

    ResponderExcluir
  11. Como que alguém consegue fazer isso? É uma bruxa.. A justiça precisa ser feita.

    ResponderExcluir
  12. Se a pessoa do video nao se refere a pessoa da foto é simples é só ela atestar que n se trata da mesma pessoa desfazendo assim o mal entendido, n vejo nehuma caça as bruxas, vejo pessoas se mobilizando para que isso seja punido, se não for a da foto, que a verdadeira autora seja Se a denuncia for aceita a policia tem condições de confirmar as informações, inclusive solicitar exclarecimentos a autora do video, o que as pessoas estão fazendo é mobilizando o maior número de pessoas possível para denunciar o evento e que nomes e envolvidos sejam punidos, a caça as bruxas já acaboiu faz tempo... neste caso é caça aos mostros ...

    ResponderExcluir
  13. Espero justiça, é uma bandida!

    ResponderExcluir
  14. Vadiiiiiiiiiiiaaa! Tomara que fique sem marido, longe dos coitadinhos dos filhos (mãe assim não merecem) e que fique mais longe ainda dos "cachorrinhos" que tanto diz amar no twitter! #PRESA troxa!

    ResponderExcluir
  15. Marcio, boa tarde.

    Não encontrei o local para assinar a petição on line e sugiro que crie uma para passarmos para diferentes países para que assinem também.
    Pessoas de outros países devem ter acesso à brutalidade e insensibilidade desta educadora de serial Killer (pobre criança que pôde presenciar esta atrocidade e não terá nem como esquecer pq a internet é quase que eterna).
    A criança sempre poderá acessar a publicação deste vídeo onde esta louca fria, pq não esboçou nenhum sinal de estar irritada, a impressão é de que fazia por prazer apenas.
    A camera, parecia uma camera de vídeo escondida e a impressão pela falta de ruídos/sons é de que fez para que ninguém percebesse oque ocorria alí e viesse a impedir.
    Gostaríamos de saber mais informações e tb de ter a certeza de que se trata da mesma pessoa da foto antes de divulgar para os outros países.

    Neste site vc poderá criar a petição on line caso ainda não tenha feito.

    http://www.peticoesonline.com/codigo-de-etica

    ResponderExcluir
  16. Ela disse estar num mal dia e por isso maltratou o cachorro? Não acredito q ela tenha falado uma coisa dessa...meu Deus...!!! Aqui se faz, aqui se paga...fdp!

    ResponderExcluir
  17. A gente não sabe nem o q escreve numa hora dessas...a vontade é de fazer o mesmo com ela...

    ResponderExcluir
  18. ZODIACO:

    Alô! Aqui é o Zodíaco falando!
    Estou em um mal dia, por isso resolvi sair matando pessoas aleatoriamente, vou começar por Camilla Corrêa Alves de Moura Araújo dos Santos...
    ahsuahsuahsuas

    Que piada...
    Prenda essa vagabunda!

    ResponderExcluir
  19. Caso da enfermeira que submeteu seu próprio filho/a a assistir atos de violenta crueldade e maus tratos contra um pequeno cão da raça yorkshire

    E se a mulher da foto/vídeo não for, de fato, quem maltratou o cão? E se o nome também não for aquele? Vou comentar o fato sem citar nomes, para não cometer erros de acusar sem ter conhecimento, até ter comprovação correta da autora de ato tão cruel.

    JURAMENTO OFICIAL DO CURSO DE ENFERMAGEM

    “Juro dedicar minha vida profissional a serviço da humanidade, respeitando a dignidade e os direitos da pessoa humana, exercendo a Enfermagem com consciência e dedicação, guardando sem desfalecimento os segredos que me forem confiados. Respeitando a vida desde a concepção até a morte, não participando voluntariamente de atos que coloquem em risco a integridade física e psíquica do ser humano, mantendo elevados os ideais da minha profissão, obedecendo os preceitos da ética e da moral, preservando sua honra, seu prestígio e suas tradições”.


    - Não posso deixar de registrar minha indignação e revolta, não pude ver o vídeo inteiro.

    A enfermagem é um dom, exercício de caridade, também é uma ciência cuja essência é o cuidado ao ser humano, tarefa difícil e muitas vezes mal remunerada, por isso digo que é “missão para anjos”.

    Uma mulher que traz em si uma crueldade tão fortemente destacada, que maltrata um animal como ela o fez, certamente não pode ter benevolência em seu coração para tratar de seres humanos.

    Imagino que uma pessoa que escolhe uma profissão onde a vida e a preservação dela é o foco principal, devesse ter sensibilidade mínima para estender esse conceito também aos animais domésticos, ao qual costumamos chamar de “animal de estimação”, ou seja que foi escolhido para o nosso convívio, para nos fazer companhia, para nos servir de guia ou proteção.

    Já foi comprovado em alguns países da Europa, que os enfermos também se beneficiam com a presença de um animal. Há alguns hospitais onde foi introduzido a visita terapêutica de animais nas suas enfermarias.

    “Um estudo desenvolvido pelos pesquisadores Johannes Odendaal e Susan Lehmann publicado em 2001 pelo Journal of the American Association of Human Animal Bond Veterinarian (AAHABV) mostra que a interação entre cães e humanos deflagra — em ambos— alterações hormonais que afetam o nível de endorfinas beta, febilata lamina, prolactina e oxitocina por períodos médios de 15 minutos. A liberação dessas substâncias diminui no organismo a ação do cortizol, o hormônio do stress, provocando sensações de bem-estar”.

    [http://www.psiquiatriageral.com.br/terapia/animais_terapeutas.htm]

    Essa mulher mostra frieza, crueldade, falta de sensibilidade. Li alguns posts que dizem para fazer com o filho dela o que ela fez com o cachorrinho. Isso não é justiça, é incentivo à mais crueldade e violência. É nivelar por baixo, é igualar-se à ela.

    Pergunto agora: com este instinto brutal à crueldade, será que essa mulher tem dom para maternidade?

    Talvez a próxima vítima dela seja seu próprio filho, já que ela não tem mais um “bichinho de estimação” para derramar sua raiva feroz. O filho desta mulher já foi penalizado demais por assistir às cenas de crueldade. Já é castigo demais ter uma “mãe” como esta, [se é possível chamá-la de mãe, pois mãe é quem ama, acolhe, protege e educa. E o quanto é educativo e saudável expor uma criança à cenas de tanta barbárie?].

    Fica aqui registrado minha indignação e um apelo para que a justiça seja feita, através dos órgãos competentes. Não por vingança, onde a violência gera a violência, mas por ser o certo a se fazer, justiça pela justiça, que é a prática e exercício do que é de direito.

    ResponderExcluir
  20. Queremos justiça!!!!!!!! Que ela seja presa

    ResponderExcluir
  21. Vemos diariamente, mulheres espancadas por seus maridos, crianças sendo violadas e abusadas pelos próprios pais, bebês sendo abandonados na calada da noite pela mãe , idosos sendo espancados, animais sendo mortos pelos donos. Todos indefesos e sem chance de defender-se. E , nós... assistimos a tudo com a sensação de revolta, mas que 5 min passados voltamos a nossa zona de Conforto e a Vida continua, como se estivéssemos anestesiados, Imunes e protegidos.
    Todos unidos temos força, vamos movimentar essas redes sociais para que atos como este sejam divulgados, o que é isso??? Psicopatia? Psicose, é doente, Entendo... Mas não pode viver em sociedade, tem que ser internada... Não pode ter profissão de cuidadora!!Índice elevado da Maldade, também não tem acordo!!! Fora da sociedade, tem que ser isolada!!!! Competência zero como mãe, mulher, gente.
    Não tem competência nem pra cuidado de inseto.

    ResponderExcluir
  22. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  23. Garanto que se a mulher das fotos não fosse ela, se os nomes citados não fossem de pessoas ligadas a essa criatura, com certeza a pessoa que está "supostamente" sendo vítima de alguma armadilha virtual, já teria se apresentado a polícia, já teria se apresentado à imprensa, ainda mais depois de tanta repercussão...

    ResponderExcluir
  24. O pobre animal não a escolheu... e sim ela o escolheu, será que como ela citou ao G1 estar em um "mal dia" ela não lembrou do carinho que o animal deva pra ela e pra família, essa coisa não respeitou nem a criança que estava no mesmo recinto, acho q ela não precisaria ficar presa eu faria tudo o que ela fez ao pobre animal com ela, e ainda teria compaixão não a mataria somente a jogaria pra cima, enfiaria a cara num balde a deixaria um pouquinho presa em um tambor pra ver se é bom. Mas aki se faz aki se paga

    ResponderExcluir
  25. Deus nos livre dessa louca varrida, que não aguentou um pobre cachorrinho o que ela deve fazer como enfermeira, meu Senhor,
    pobre dos doentes que cairem na mão dessa insana, que tem olhar horrivel, ve-se a frieza, maluca, se não se adaptou com o animalzinho, por que não deu um jeito de doa-lo, e não perder a cabeça como fez?Esses cachorrinhos latem muito mesmo, são agitados, mas daí a tortura-los ainda mais na frente da criança, essa mucreia deve ir para um hospicio!

    ResponderExcluir
  26. DAYSE VASCONCELOS12/16/2011 7:33 PM

    Tudo que se falou sobre essa monstruosidade ainda é pouco para o que esse "excremento humano"fez, mas pra mim fica ainda uma pergunta: "QUEM GRAVOU O VIDEO E POR QUE NÃO TOMOU O CÃOZINHO DELA"? Segundo falam o marido também estava presente ao assassinato, por que também não a impediu? se todos assistiram sem mover um dedo pra defender o cãozinho, na minha concepção são cumplices do crime, foram coniventes. São tao culpado quanto essa desgraçada. PUNIÇÃO PARA TODOS ELES!!! URGENTE!!!

    ResponderExcluir
  27. LIXO HUMANO, PÚTREFATA, MONSTRO, TOMARA QUE SEU MARIDO TE TROQUE POR UM SER HUMANO DECENTE, QUE SUA FILHA TE DESPREZE E QUE VC ACHE A DOR QUE CAUSOU A ESSE POBRE ANIMAL, A JUSTIÇA DO HOMEM FALHA, A DE DEUS NUNCA FALHA.

    ResponderExcluir
  28. ALGUÉM TEM QUE PRENDER ESSA HORROROSA, CARA DE MORTA VIVA

    ResponderExcluir
  29. E quem tava filmando?? Não fez nada porque..?? É o fim do mundo mesmo, onde uma pessoa prefere ter um video pra postar na internet, do que salvar a vida de um animal indefeso...!! Indignada!!

    ResponderExcluir
  30. ESSA COVARDE VAI PAGAR! O pobre cãozinho será vingado! Cada golpe, cada chute, cada maldade!! Descanse em paz pequeno lutador.

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  32. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  33. ELA TÁ COM UM "MAL DIA", POR ISSO ELA FEZ ISSO???
    FALA PRA ELA VIR AQUI, PORQUÊ EU TÔ COM UM "MAL DIA" TAMBÉM...

    ResponderExcluir
  34. Camilla Correa Alves de Moura Araújo dos Santos é um LIXO HUMANO que deveria ter vergonha de ter nascido!

    ResponderExcluir
  35. Não se preocupem, Camila nunca mais será a mesma. Satanás irá dormir com ela todos os dias, e fantasmas povoarão seu sono quando ela conseguir dormir.
    Camilaaaaaaaaa! Cuidado há olhos grandes e negros te espreitando em cada esquina.

    ResponderExcluir
  36. Uma criança de SETE ANOS já sabe o que faz. PASSEI POR DEPRESSÃO POR 6 ANOS E NUNCA CHUTEI CACHORRO!
    Queria ter contato com a VETERINÁRIA QUE "TENTOU" CUIDAR DESTE CAO INDEFESO DESTA VADIA IMUNDA!
    ASSASSINA, NUNCA MAIS VOCÊ VAI TER SOSEGO NA VIDA, É O MÍNIMO PARA VOCÊ.
    qUE RIDPICULO AQUELA DESCRIÇ~ÇAO NO PERFIL DELA QUE AMA MEUS CACHORRINHOS, IMAGINE SENÃO GOSTASSE.
    COVARDE, IMBECIL INVELIZ!

    ResponderExcluir
  37. FRIA E CALCULISTA, SOCOU O CACHORRO E AINDA COLOCOU O BALDE EM CIMA DELE PRA ELE NÃO FUJIR
    VAIDA IMUNDA!

    ResponderExcluir
  38. FRIA E CALCULISTA, SOCOU O CACHORRO E AINDA COLOCOU O BALDE EM CIMA DELE PRA ELE NÃO FUJIR
    VADIAA IMUNDA!

    ResponderExcluir
  39. Vadiaaa!! levei seu nome e sua foto, amarrados no laço de ... pra um terreiro, pois se este país não faz justiça, eu sei que todos os orixás irão fazer...
    Você não é uma pessoa, você é realmente um monstro.
    Privaciade é uma coisa que você nunca terá na sua vida...
    e nunca procuncie o nome de Deus, porque você não pertence a Ele. Você é um verme que a sociedade abomina... só estou te lembrando...

    ResponderExcluir