publicidade

quinta-feira, novembro 10, 2016

Morreu Evelina Chamma. Era tão chique, que chegou a quase 100


A roda da vida já tinha girado mais de 95 para a grande Evelina Nemer Chamma, que morreu outro dia, serenamente, como bem merecia. Conheci a grande dama, já viúva do Jorge Chamma, dono da Companhia Siderúrgica Pitangui e da Sociedade Brasileira de Mineração, em casa de Lucianita Carvalho, a inesquecível número 1 da Rui Barbosa, chá para 4, dona Mena Fiala, mãe da Lucianita, também à mesa, tempo bom que não volta mais.
Na foto acima, impactante, o trio-frisson do primeiro time do Rio, só a Norma, hoje, permanece entre nós.
Tá vendo aquela estrela que brilha lá no céu? O nome dela é Evelina...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aproveita e me mande aquela notícia quente! blogmarciog@gmail.com